Fazendo bolos

Se tem uma coisa que nunca fui boa é fazendo bolos...fala sério é muito frustrante perder ingredientes, gastar gás,tempo pro bolo sair todo solado, queimado ou sei lá o quê 😥😥😥
Eu estava desiludida até que um dia o marido levou uma cocada que ele mesmo fez pro trabalho e fez sucesso,logo começou a vender.Depois de alguém perguntar se não tinha outras coisas deu aquela coragem,fiz uma oração e fiz meu primeiro bolo,e,pra minha surpresa ficou bom!
Ajuda divina? Não sei,mas o bolo saiu e foram muitos sabores até virarem bolo de pote.
O marido foi mandado embora do trabalho e paramos com os bolos, afinal lá estavam os clientes...

Eu amo bolo e sinto uma vontade enorme de aperfeiçoamento, não tem coisa melhor que aquele cheiro de bolo no forno perfumando a casa...

Essa semana estou participando da série Bem Bolado com a Tata Pereira e estou amando cada vídeo,ela é um amor e o melhor é prática, ótimo pra iniciantes como eu.

Pra começar fiz o bolo de fubá com goiabada que ficou incrível!
Gente nunca fiz um bolo tão perfeitinho e delicioso,e o melhor, não queimou, não murchou e cresceu perfeitamente!Os que eu vendia saíam bons,cresciam,eram gostosos mas não dava pra desenformar,quebravam,o fundo quase sempre passava do ponto,quase queimado ou queimado mesmo. Isso me fez ver a importância dos detalhes de cada passo, ingredientes na medida certa, tudo conta no resultado final.
Aqui está meu primeiro melhor bolo, porque espero que continue a vir melhores por aí!






11 meses - Primeiros passos

A ficha parece que não quer cair...11meses já se foram!
Tenho tentado curtir ao máximo cada momento,sem pressa mas o tempo não quer saber, está mesmo decidido a correr muito.
Parece que foi ontem que eu estava a essa altura angustiada com aquela baita pança,contrações,medos,ansiedade...Se eu soubesse o quanto ia me apaixonar por esse sorriso esperar seria uma tarefa ainda mais difícil.

Tem sido bem diferente da Sarah,me diziam que um filho era bem diferente do outro e é mesmo.Por exemplo, bebê engatinhando pela casa e quintal é novidade já que ela só engatinhava um pouquinho  e ainda era de ré, não se levantava sozinha, não era um furacão😄😄,começou andar com 1 ano e três meses.

Hoje tomei um susto, do nada o Gabriel se levantou sem apoio algum e deu três passos!Eu assustada agarrei ele que se empolgou e desequilibrou, talvez ele fosse mais longe se a mamã assustada não atrapalhasse.Levantar do nada já é costume dele mas sair andando foi novidade.

Ele usa andador desde os cinco meses e já ouvi muitos pontos negativos sobre ele, mas  deixo poucos minutos por dia sempre de olho pra evitar acidentes.

Uma coisa divertida dessa fase é a fala,ele já tem tentado pronunciar algumas coisas e tem sido muito engraçado.As palavras do momento são cadê (dê) e acabou (abô) tudo agora é cadê é acabou fazendo gesto com as mãos
😄

Apesar de todo cansaço,estou curtindo muito cada momento,ser mãe é um presente de Deus, mês que vem tá aí,o primeiro ano chegando, não teremos festa mas vamos sim comemorar com muita alegria esse ano que mudou nossas vidas!




Tá vendo quis ter bebê!

Hoje vim falar de rotina, gostaria que fosse uma rotina melhor,mais proveitosa mas no momento é o que dá rs.
Ser mãe é tudo de bom,amo meus filhos e eles são minha razão de viver mas vou falar uma coisa pra você que tá grávida ou tentando ficar - te prepara que sua vida vai mudar completamente!

Eu acordo as 6:00hs pra levar a Sarah pra escola,deixo o Gabriel com minha mãe.As vezes ele dorme até eu chegar,as vezes acorda junto e dificulta tudo já que fica chorando querendo peito pra voltar a dormir logo na hora que tô arrumando a irmã.
Volto e tento fazer dormir de novo pra tentar fazer alguma coisa (a esperança não morre hehehe)mas só dorme enquanto estou com ele, peito na boca...Depois acorda e começa a bagunçar e eu atrás com medo dele cair.Se ponho no andador piorou,com a cozinha pequena ele vai batendo em tudo, abrindo gavetas, derrubando fruteira,as cadeiras tudo na cabeça então sem chance.
Lá se vai a manhã e eu sem conseguir fazer nada... alguma coisa que faço é com ele no braço,um bebê de 11 meses de uns 10 kilos,as vezes meu braço treme de canseira.
De tarde a soneca de novo agarrado,a mais velha querendo atenção faz toda arte imaginável...
Bora dar banho nos dois,colocar janta,ajudar fazer lição de casa,por pra dormir cedo e ufa até 22:30hs o bebê dorme,pra depois acordar no meio da noite umas duas ou três vezes pra mamar um segundo só pra ter certeza que o peitinho dele não foi embora e em seguida o despertador as 6hs pra começar tudo outra vez!

Como consigo lavar roupa,passar,manter a casa limpa, atenção pro marido,se arrumar e etc?Eu não consigo hehehe eu tento!Cada dia um pouco,de um jeito maluco mas a gente tenta...

Pra depois você comentar que tá cansada e ouvir alguém dizer: Tá vendo quis ter bebê!

Tudo se transformou!

Faz algum tempo que estou em um grupo de whatsapp e decidimos juntas lermos diariamente dois capítulos da Bíblia.Isso tem me feito muito bem espiritualmente, tenho conhecido mais Jesus e meu amor por Ele aumentou ainda mais,comecei a ver Deus com outro olhar e passei a temer ao meu Senhor de uma maneira diferente.

Começamos a ler pelo novo testamento,e foi rapidamente acabando Matheus,Marcos,Lucas....e eu fui me apaixonando por Jesus de uma maneira intensa,foi como se eu abrisse a porta pra ele entrar em minha casa e assim pudesse de fato conhecê-lo,eu vou à igreja desde criança mas a verdade é que não o conhecia até agora.

Eu fui mergulhando, meditando e aquilo foi me trazendo muita alegria,um amor inexplicavel até que começou o velho testamento - a criação,a destruição do mundo pelo dilúvio e Sodoma,as pragas... Tudo isso foi me trazendo uma visão da grandeza e santidade de Deus,de como era preciso ser para agrada-lo.
Então começou Êxodo e Levítico onde mostra tudo que era preciso para ouvir Deus falar,a tenda sagrada , seus detalhes minuciosos e nos sacrifícios diários para ser perdoado.Ao contrário do novo testamento o antigo estava me causando tristeza.O quê?Como assim?
É isso mesmo,meu coração começou a lamentar,a mente perguntar o porquê de tanta coisa pra agradar a Deus, porque ele era tão duro...pra quê tantos detalhes e porquê pessoas morriam simplesmente por não seguir a risca um ritual sagrado?
Estava alí meditando porque estava triste, aquilo passou a me incomodar.Como meus sentimentos mudaram e porquê tantas dúvidas agora.

Foi quando me veio a lembrança o novo testamento...me trouxe a memória JESUS e tudo se transformou em mim!

Deus me fez perceber o quanto sou pecadora e impura diante dele e o quanto era preciso pra ser purificada.Rituais intensos, muito sangue derramado,e intercessão dos sacerdotes.Eu não era digna de se quer falar com Deus mas Ele me amou assim mesmo do jeitinho que eu sou,amou de tal maneira que enviou seu único filho pra morrer por mim e agora sou livre de todo aquele peso, todo fardo do pecado.

E então veio a resposta: Me senti triste porque entendi o quanto sou pequena e desprezível perante Deus,compreendi o quanto era exigido e necessário para ser aceita por Deus sem me lembrar que JESUS já tinha pago o preço por mim e tudo aquilo era passado,uma nova história foi escrita  e tudo que eu preciso é entregar minha vida a ele.

Deus é santo,e não existe outra maneira de se achegar a ele se não for por Jesus, através do seu precioso sangue vertido na cruz,que fez de eu e você merecedores do céu, merecedores da presença dele em nossas vidas.

Depois da cruz tudo mudou e sou grata a Deus por ter enviado JESUS para nos salvar,para tirar todo fardo pesado, esse sentimento de tristeza gerado pelo pecado que senti por um momento mas que foi transformado em alegria e esperança no momento que pensei no amor de Cristo.

JESUS MUDOU A NOSSA HISTÓRIA!
Toda glória seja dada a ele!


Cacheada???


Simmmm😁
 (Não reparem  o olhar de conjuntivite😥)
Parece até mentira que de repente me vi gostando dos meus cachos.Os mesmos cachos que antes me trouxeram lágrimas, não é exagero,eu literalmente já chorei um dia por ter nascido cacheada.Antes não era como hoje em dia onde existem variedades de produtos,dicas de finalizações, hidratações que nem sabia que existia.Então só restava um volume horroroso de cachos indefinidos e muita zoação,baixa estima tudo junto e misturado.Era revoltante me arrumar e não me sentir arrumada.
Pois bem,eu não tinha tido a mínima vontade de usar cachos até o Gabriel nascer e eu não conseguir mais escovar os cabelos.Eu comecei a me sentir novamente horrorosa,sem brilho com aquele cabelo preso, ensebado de ficar uma semana sem lavar por não ter tempo de refazer a chapinha.O negócio tava tenso, até minha prima que já aderiu a transição me convencer.
Confesso que relutei contra essa ideia por um tempo até chegar o dia em que não consegui fazer a bendita chapinha e pronto toquei creme e me joguei nos cachos e pronto,pra minha surpresa amei!
Ainda não tô pronta mas estou a caminho, já não penso mais em alisamento quero a liberdade de fazer chapinha quando quiser não por necessidade.
Estou rumo ao projeto crescimento e realizar o sonho de ter cabelão,e por que não cacheado?
Então é isso aí bora curtir o que Deus deu da forma mais natural possível e usufruir dos produtos que existem hoje não é?




Areias do tempo - Já desejou?

Pra quem não tem ideia de onde vem essa areia estou falando do filme Príncipe da Pérsia,o mesmo do jogo(que amo por sinal)onde existe uma adaga com uma areia capaz de voltar ao tempo e somente quem usa sabe o que houve podendo mudar os atos como quiser enquanto houver a areia sagrada.

Tá, e pra que tô aqui falando tudo isso? Pelo simples fato de que estive por um tempo continuamente pensando no assunto, martelando 500 vezes o porque de eu ter perdido tempo na vida com bobagens,escolhas erradas.Afinal,quem nunca pensou em voltar no tempo e mudar uma coisinha que fosse?
Ah como desejei durante tempos isso até que um dia fui levar minha filha na escola e na volta vinha pensativa falando pra Deus porque não podia voltar pra concertar isso e aquilo.Nisso comecei a pensar como seria se tivesse agido de forma diferente, porém no decorrer dos pensamentos as coisas foram mudando como se ouvisse uma resposta divina.
Comecei a pensar nas coisas que gostaria de fazer e assim tudo na minha vida ia tomando um caminho diferente, fazendo desaparecer o que tenho de mais sagrado, inclusive meus filhos.Uma nova história ia se formando e com isso muita coisa não iria mais estar presente - momentos, pessoas... E sério mesmo,pensar nisso me apavorou...

Aprendi que por mais que as coisas não estão completamente como desejei elas estão como deveriam estar, tudo em seu lugar.Não da pra voltar no tempo e isso é ótimo, o controle tá nas mãos de Deus.
E enquanto houver vida há chance de fazer algo novo e tornar o amanhã um lugar bom pra se estar.

Deus seja louvado!. Tecnologia do Blogger.